Produtos Veganos — 3 Pontos de Atenção para Esses Cosméticos

by Renata Franco

A conscientização em torno da procedência  das substâncias utilizadas na composição de cosméticos chegou em boa parte dos consumidores. Por conta disso, os produtos veganos vêm ganhando popularidade e são procurados por aqueles que não desejam consumir nenhum ingrediente de origem animal.

Assim, confira alguns pontos de atenção para compreender as características desses cosméticos.

1. Não há elementos de origem animal em sua composição

Engana-se quem pensa que cosméticos tradicionais não utilizam substâncias de procedência animal em sua formulação. Os produtos veganos, por sua vez, se comprometem a apresentar novas composições sem usar esse tipo de ingrediente.

Apresentamos abaixo alguns dos  ingredientes de origem animal mais comumente encontrados nos cosméticos e quais as categorias os utilizam:

produtos veganos

  • mel: produzido pelas abelhas e, geralmente, usado em hidratantes corporais e faciais, máscaras de tratamento, esfoliantes; ;
  • cera de abelha: transformada a partir do mel produzido pelas abelhas, pode ser encontrada em batons, maquiagens, produtos depilatórios, hidratantes corporais;
  • lanolina: óleo e cera extraídos da lã de ovelha. Age como lubrificante e é adicionado a hidratantes e manteigas corporais, lip balms, pomadas contra assadura;
  • carmim: pigmentação avermelhada derivada do inseto cochonilha, usado especialmente em maquiagens e esmaltes.

2. Os testes em animais são proibidos em produtos veganos

produtos veganos

Outra característica importante sobre os produtos veganos é que, além de excluir completamente elementos de origem animal em sua formulação, os testes também são proibidos. De qualquer forma, essa não ser uma exclusividade sua, uma vez que muitos cosméticos, veganos ou não, não envolvem testes em animais.

 

Para abolir a exploração de animais, foram desenvolvidos métodos que conseguem imitar a composição biológica dos seres humanos em laboratórios e cálculos matemáticos que conseguem prever a reação das células quando entram em contato com determinadas substâncias. É sempre interessante  verificar se os cosméticos veganos possuem selos de certificadoras  que comprovam os mecanismos de testes utilizados pela empresa.

3. Nem sempre os produtos veganos são saudáveis

produtos veganos

É preciso ter em mente que o fato de um produto não colaborar com a exploração animal não significa que aquela formulação não contenha elementos que possam fazer mal ao seu corpo, como determinados conservantes ou mesmo metais pesados.

Mais do que cosméticos veganos, eles devem ser “do bem” e utilizar substâncias que não sejam prejudiciais ao ser humano ou ao meio ambiente.

Agora que já sabe as principais características dos produtos veganos, leia mais artigos aqui na Cosmetologia do Bem! Aproveite e conheça o nosso curso de cosmetologia!

VEJA TAMBÉM

Utilizamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em aceitar, você concorda com a nossa política de privacidade. Aceitar Saiba mais

Política de Privacidade
Olá, precisa de ajuda?