Cosméticos ‘Do Bem’: invenção de moda?

by noreply

O desenvolvimento e o avanço da indústria, sem dúvida alguma, trouxeram vários benefícios, mas é importante também olharmos por outro ângulo e ficarmos atentos aos seus efeitos negativos.

Recentemente, percebemos muito engajamento na área da nutrição, principalmente em relação aos efeitos deletérios dos agrotóxicos nos alimentos.

O interesse pelo consumo de hortaliças, frutas e legumes “orgânicos” (i.e, cultivadas sem o uso de agrotóxicos) aumentou muito motivado, principalmente, pelo interesse crescente das pessoas em não ingerir substâncias sintéticas que podem causar danos ao nosso organismo. AINDA BEM!

Outros importantes livros foram publicados nessa mesma linha, como Our Stolen Future e Slow Death by Rubber Duck. Veja nossas leituras aqui! Todos eles têm em comum o foco em mostrar os efeitos negativos de várias substâncias sintéticas.

O que acontece é que tais efeitos se estendem também para a indústria de cosméticos. E você está pensando, “já vão inventar essa também”?

Bem… Sugerimos a você lembrar que, até meados dos anos 50, a prática de exercícios físicos era considerada um tabu. Os médicos alertavam que inserir atividades físicas na rotina aumentaria as chances de ataques cardíacos e diminuiria o desejo sexual (Assista aqui no documentário muito interessante sobre alimentação, “Fed Up” – min 07:15)

Depois, veio o dr. Jean Mayer, um fisiologista francês, que se tornaria o maior especialista em obesidade nos EUA. Ele realizou uma pesquisa científica que ia contra toda a ‘verdade’ definida na época e correlacionou a falta de exercício físico com o ganho de peso. Sua descoberta provocou a ‘revolução fitness’.

Nos dias de hoje, é difícil pensar que o exercício físico já foi ‘demonizado’, não é?

Outro ponto que demonstra como o avanço da ciência jogou por terra ‘verdades absolutas’ é sobre o TABACO. Além disso, essa situação mostra como os interesses financeiros sobressaem diante da saúde. E essa não foi a primeira e nem será a última situação que demonstra o poder da indústria, que nada mais é que o PODER DO DINHEIRO.

Você sabia que o cigarro já foi visto como um “amigo”, algo que era sexy, fascinante e desejado?

Estudos já haviam comprovado, desde 1950, que havia uma ligação entre tabagismo e câncer de pulmão. Mas a indústria do tabaco negou pelos próximos 50 anos. Somente depois de todos esses anos algumas atitudes foram tomadas. (Assista aqui no documentário, “Fed Up” – min 1:16:00)

A realidade é que avanços científicos ocorrem a todo o tempo. Vários são acatados, mas muitos outros são deixados de lado ou ‘mascarados’. Mas nunca se esqueça dos diversos interesses por detrás de uma “verdade”. ISSO É MUITO SÉRIO!

Com os cosméticos não foi diferente… Existe muita verdade escondida atrás de seus rótulos, e muitos interesses também! Vamos te alertar para todas essas verdades escondidas e que não são poucas! E com esse conhecimento vamos mostrar várias soluções!

A Europa está na frente e por lá os cosméticos ‘Do Bem’ já são uma realidade! Como sempre, existem os grupos vanguardas.

Em qual grupo você quer estar?

Você decide!

Faça a sua escolha!

Interaja conosco! Queremos ouvir o que você quer saber! Deixe seu comentário!

Até a próxima.

VEJA TAMBÉM

Utilizamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em aceitar, você concorda com a nossa política de privacidade. Aceitar Saiba mais

Política de Privacidade
Olá, precisa de ajuda?