Como a Sustentabilidade na Indústria Cosmética Ajuda o Meio Ambiente

by Renata Franco

A preocupação com a natureza deve ser urgente, uma vez que os anos de uso indevido de recursos, exploração e poluição geraram impactos que podem ser irreversíveis para o planeta. A sustentabilidade na indústria cosmética é um dos aspectos que podem ajudar a reduzir esses efeitos e contribuir para a construção de uma sociedade mais saudável.

Entenda em quais questões a cosmetologia natural pode beneficiar a diminuição da agressão ao meio ambiente!

A promoção da sustentabilidade na indústria cosmética

sustentabilidade na indústria cosmética

Embora a automação de processos de produção de cosméticos torne o cotidiano dos seres humanos mais fácil — aumentando o acesso a itens de higiene e beleza de forma rápida e prática —, há uma série de problemáticas que a tornam prejudicial ao planeta.

Por conta disso, a sustentabilidade na indústria cosmética se tornou uma pauta de grande discussão. Alguns dos aspectos que mais agridem o planeta são:

Exploração de recursos e animais

Para que haja a produção em larga escala, também é preciso contar com matérias primas em grandes quantidades. E, para averiguar a usabilidade do resultado final, há empresas que realizam testes em animais.

sustentabilidade na indústria cosmética

Ainda que naturais, é importante sempre conhecer a procedência e os métodos de obtenção desses recursos — de quais países são originários, como funcionam as leis ambientais na região e se há algum tipo de fiscalização são perguntas que devem ser respondidas com clareza.

É também muito válido verificar se a marca tem o selo cruelty free.

Promover a sustentabilidade na indústria cosmética tem como objetivo romper com esse ciclo de exploração. Ao fazer seus próprios cosméticos naturais, você garante que não está contribuindo com essa atividade.

Poluição e produção de lixo

Complexos industriais acabam liberando uma série de toxinas ao meio ambiente durante os processos químicos pelos quais os cosméticos passam. Além disso, muitos componentes usados na fabricação ou nas embalagens podem ser poluentes.

sustentabilidade na indústria cosmética

Esfoliantes com microplásticos, por exemplo, demoram anos para entrar em decomposição. Assim, o ideal é fazer esfoliação natural, com formulações que usam café, aveia ou açúcar, por exemplo.

O uso em excesso de plástico, em geral, é um grande problema. Esse material demora, em média, 400 anos para se decompor. Isso significa que todo o plástico já produzido no mundo ainda existe — uma vez que a sua invenção se deu há pouco mais de 100 anos.

A cosmetologia do bem passa a ser uma necessidade, e não uma invenção da moda. Se você se interessa em contribuir com o futuro do planeta fazendo os seus próprios produtos, conheça os nossos cursos que descomplicam a cosmetologia natural!

Gostou de saber como a sustentabilidade na indústria cosmética ajuda o meio ambiente? Então leia mais artigos aqui no blog da Cosmetologia do Bem!

 

VEJA TAMBÉM

Utilizamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em aceitar, você concorda com a nossa política de privacidade. Aceitar Saiba mais

Política de Privacidade
Olá, precisa de ajuda?