3 Dicas de Como Fazer Perfume Natural e Aproveitar Seus Benefícios

by [email protected]

Aqueles que conhecem os benefícios de usar cosméticos do bem podem ter dificuldades em entender como fazer perfume natural. Afinal, é preciso compreender uma série de fatores que irão influenciar na produção de uma boa fragrância.

Pensando nisso, a Cosmetologia do Bem selecionou algumas dicas que vão te ajudar na hora de encontrar o seu aroma ideal. Confira!

Qual a diferença entre os perfumes convencionais e os naturais?

Para começar a entender como fazer perfume natural, é essencial compreender as suas principais diferenças em relação às fragrâncias convencionais.

O principal ponto em relação a isso é que os aromas tradicionais viraram quase uma marca registrada das empresas. Por conta disso, muitas vezes, elas acabam mascarando o perfume para que ninguém consiga reproduzir com exatidão a fórmula.

Com isso, é quase impossível saber o que foi adicionado, exatamente, na composição. Caso uma pessoa apresente alguma reação alérgica, então, é mais difícil entender qual pode ser a principal fonte dessa irritação.

Dicas de como fazer perfume natural

Um mercado que cresce muito fora do Brasil é o de perfumistas naturais. Em Nova York, inclusive, é possível encontrar lugares que desenvolvem fragrâncias personalizadas de acordo com as necessidades olfativas e emocionais.

Se você quer saber como fazer perfume natural, veja essas dicas a seguir!

1. Óleos essenciais

Em aproximadamente 10 mil a.C., já era comum para os egípcios a utilização dos  óleos essenciais para mascarar odores. Mesmo hoje em dia, para quem quer saber como fazer perfume natural, eles são uma peça essencial na criação de aromas especiais.

Eles têm impacto no sistema límbico, de modo que um perfume pode não apenas deixar um bom cheiro, como  também ser direcionado para melhorar condições emocionais.

2. Fixação

É importante compreender que um perfume natural não terá o mesmo poder de fixação que um convencional.

Isso porque as versões industrializadas utilizam substâncias como os ftalatos que, apesar de fazerem com que o aroma dure mais tempo no corpo, são prejudiciais à saúde e podem causar alergias.

3. Famílias olfativas

A criação de fragrâncias é uma verdadeira alquimia. Não basta apenas juntar óleos essenciais, pois é preciso entender as famílias olfativas para criar uma formulação que seja harmônica. São dois aspectos principais:

  • características: florais, cítricas, amadeiradas, entre outras;
  • hierarquia das notas: de entrada, corpo e saída.

Gostou das nossas dicas de como fazer perfume natural? Então continue lendo artigos aqui na Cosmetologia do Bem! Aproveite e conheça nosso curso de cosmética natural, que possui um módulo sobre elaboração de fragrâncias!

VEJA TAMBÉM

Utilizamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em aceitar, você concorda com a nossa política de privacidade. Aceitar Saiba mais

Política de Privacidade
Olá, precisa de ajuda?